Gazette

Sua referência em notícias culturais

Fundo Setorial do Audiovisual já investiu em 486 longas em 2016 Fundo Setorial do Audiovisual já investiu em 486 longas em 2016
A Agência Nacional do Cinema – ANCINE e o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) apresentaram, na segunda-feira (28), em Porto Alegre,... Fundo Setorial do Audiovisual já investiu em 486 longas em 2016
A Agência Nacional do Cinema – ANCINE e o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) apresentaram, na segunda-feira (28), em Porto Alegre, um balanço das ações do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA). A cerimônia foi presidida pelo diretor-presidente da Agência Nacional do Cinema (Ancine), Manoel Rangel, e pelo diretor-presidente do BRDE, Odacir Klein, no Auditório do Banco.
Destinado ao desenvolvimento articulado de toda a cadeia produtiva da atividade audiovisual no Brasil, o FSA, criado em 2008, é um marco na política pública de fomento à indústria cinematográfica e audiovisual no país. Em 2012, o BRDE tornou-se o agente financeiro do Fundo responsável pelas linhas de conteúdo audiovisual.
“É uma alegria poder gerir o FSA em parceria com o BRDE, que aposta com total disposição em nossas ações, e que valoriza uma política pública comprometida com o audiovisual e com a sociedade brasileira”, disse Manoel Rangel.
Odacir Klein, diretor-presidente do BRDE, também aproveitou o evento para congratular a Ancine: “Parabenizo a Ancine não só pela transparência e seriedade na forma de agir, mas sobretudo por seu papel no estímulo à cultura brasileira”.
A partir do lançamento do Programa Brasil de Todas as Telas, em 2014, o volume das operações do FSA teve um salto exponencial no número de projetos inscritos, selecionados e contratados. No segundo ano do Programa, 2015, o número de projetos selecionados triplicou em relação ao primeiro ano, atingindo a marca de 689 projetos.
Até outubro deste ano, com os recursos do Fundo já se investiu em 486 longas-metragens, 476 séries ou telefilmes, no desenvolvimento de 371 projetos e de 69 núcleos criativos em todas as regiões do país.
Em sua apresentação, Manoel Rangel demonstrou como a distribuição dos investimentos do Fundo Setorial do Audiovisual ficou mais equilibrada entre as regiões do país após o lançamento do Programa Brasil de Todas as Telas. Os dados revelam que a estratégia de estímulo à desconcentração regional da produção proporcionou um crescimento substancial na participação de projetos das regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste e Sul entre o total de selecionados pelo Fundo.
“A gestão compartilhada do financiamento tornou-se indispensável para a viabilidade operacional. O mercado audiovisual exige ações complexas e diversificadas dirigidas às suas várias atividades. Passamos a apoiar os diversos formatos audiovisuais, investimos no desenvolvimento de projetos, ampliamos os espaços para circulação de conteúdos independentes, estimulamos o mercado de licenças e fortalecemos as grades de programação da TV Paga e das TVs Públicas”, avalia Manoel.

Lançada quarta edição do Edital para filmes de autor

Durante o evento foi lançada a quarta edição do edital que investe em projetos de longa-metragem com foco em linguagem inovadora e relevância artística. A Chamada Pública PRODECINE 05/2016 disponibiliza R$ 30 milhões, em recursos do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA), para projetos de longa-metragem de ficção, animação e documentário, respeitando indutores regionais para destinar no mínimo 30% dos recursos a projetos audiovisuais de produtoras independentes localizadas nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste; e no mínimo 10% para projetos de produtoras independentes da região Sul ou dos estados de Minas Gerais e Espírito Santo.
As inscrições começam no dia 1º de dezembro e vão até as 18h do dia 23 de janeiro de 2017. Nas três primeiras chamadas públicas dessa linha, 55 longas-metragens já foram contemplados.
Assessoria de Comunicação
Agência Nacional do Cinema
Ministério da Cultura

admin

No comments so far.

Be first to leave comment below.

Your email address will not be published. Required fields are marked *