Gazette

Sua referência em notícias culturais

Teatro Margarida Schivasappa recebe o II Seminário de Palhaços de Belém Teatro Margarida Schivasappa recebe o II Seminário de Palhaços de Belém
O Teatro Margarida Schivasappa, do Centur, recebe na próxima segunda-feira (12), às 9h, o II Seminário de Palhaços de Belém. O evento é promovido... Teatro Margarida Schivasappa recebe o II Seminário de Palhaços de Belém

O Teatro Margarida Schivasappa, do Centur, recebe na próxima segunda-feira (12), às 9h, o II Seminário de Palhaços de Belém. O evento é promovido pela Escola de Teatro e Dança da Universidade Federal do Pará (Etdufpa), do Instituto de Ciências da Arte da UFPA, por meio do projeto de pesquisa “O Clown Nosso de Cada Dia”, com apoio da Fundação Cultural do Pará e do Grupo Palhaços Trovadores.

Com a missão de reunir os profissionais da arte da palhaçaria em Belém e estudiosos, pesquisadores e curiosos, o seminário pretende ser um espaço aberto para discussões sobre a arte no âmbito da academia e dialogar com a comunidade em geral, artistas e apreciadores dessa forma de expressão.

O seminário é coordenado pelo professor da Etdufpa Marton Maués, especialista em Arte-Educação, mestre e doutor em Artes Cênicas. “O evento é um momento para ampliar as discussões e ideias sobre o fazer do palhaço, a linguagem, sobre como está sendo desenvolvido o trabalho em Belém, mas também pensar de uma forma mais ampla nos espaços que o palhaço atua, sobre tudo no espaço do circo, e como os artistas vivem nesse espaço espetacular, compostos de diversos números de variedades, e itinerante com temporadas em várias cidades”, comenta.

A programação começa com a roda de bate-papo “A vida no circo – Troca de experiências”, com Sula Mavrudis, quen é autora, diretora, pesquisadora, atriz, mímica, bailarina, coreógrafa e contadora de histórias. Logo depois, às 10h, haverá o lançamento do livro “As Crianças do Circo e as Crianças da Cidade”, de Sula Mavrudis, com ilustrações de Geraldo Martins. Às 10h30 ocorre o encerramento com o espetáculo “Reprise de Palhaço”.

Segundo Marton Maués, a pesquisadora Sula Mavrudis, ligada ao circo e lutadora dos direitos dos circenses, falará sobre a vida no picadeiro, desde a formação da criança como artista que trabalha e que também precisa estudar e ser recebida nas cidades e nas escolas. Ela também falará sobre o cotidiano do circo, que é um espaço familiar, de vários artistas e que não se fixa em um único lugar. “Esperamos que as pessoas participem do seminário, que além desse bate-papo irá contar com apresentações de palhaços. O seminário é uma forma de informar e também divertir as pessoas”, finaliza Marton Maués.

Fonte: Agência Pará

admin

No comments so far.

Be first to leave comment below.

Your email address will not be published. Required fields are marked *